My Golden Dress | Ir à praia neste Verão esquisito - Como é? Como nos preparamos?
Isto de Verão tem tido pouco. Contam-se pelos dedos das mãos os dias de (verdadeiro) calor e as idas à praia foram sendo adiadas e adiadas a cada fim de semana de chuva.
Praia, Verão 2018, lifestyle, Uriage Bariésun, Uriage Portugal, Pondera, Bioderma, Quioque PR
1049
post-template-default,single,single-post,postid-1049,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,select-theme-ver-3.4,menu-animation-underline,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0,vc_responsive

Ir à praia neste Verão esquisito – Como é? Como nos preparamos?

Isto de Verão tem tido pouco. Contam-se pelos dedos das mãos os dias de (verdadeiro) calor e as idas à praia foram sendo adiadas e adiadas a cada fim de semana de chuva.

Cá por casa só há férias em Agosto mas como vivemos pertinho da praia tentamos, sempre que possível dar lá um saltinho, até mesmo de Inverno. Por isso este ano, dado o estado do tempo, já decidimos que mesmo que o dia nos pareça manhoso, nada típico de Verão, vamos pegar nas nossas tralhas e levar a criança a brincar na areia que seja.

 

Só assim vamos conseguir ‘gozar’ este Verão esquizofrénico sem sentir que o Inverno chegou sem passar pela casa partida.

 

Então, como preparamos as nossas idas à praia?

Como disse a praia fica a 5 minutos de carro da nossa casa, quando a Sara era bebé ia imensas vezes a pé até ao paredão passear, por isso a ideia de ter que sair da praia a correr em situação de emergência (passo a enumerar: cocós indomáveis, birras sem fim ou quando a comida acaba) não é assim tenebrosa, só assusta um bocadinho, nada de mais.

Temos a preocupação básica de qualquer pai ou mãe, temos que levar connosco:

  • Comida – A Sara tem sempre fome! Agora até canta sobre carne com batatas ( ‘cani e tatatas’) enquanto viajamos de carro.
  • Bebida – Água, claro, muita. Acho que ninguém se esquece disto, muito menos com crianças.
  • Chapéu – Confesso que tenho uma especial tendência para me esquecer do chapéu. Dica? Tenham um no carro, outro sempre na mochila e outro na vossa mala just in case.
  • Muda de roupa – A Sara adora molhar a roupa toda, dê lá por onde der. Se não conseguiu molhar-se na água de mar porque já estava despida, posso ficar descansada que assim ue a vestir de novo para ir embora vai deixar cair a garrafa de água em cima dela mesma, ou o iogurte, ou a fruta… Qualquer coisa que a inviabilize. Por isso, muda de roupa SEMPRE.
  • Muda de fato de banho – Também é sempre bom por vários motivos. A roupa de banho não seca à velocidade que gostaríamos e pode dar jeito caso a criança se sinta desconfortável ou então, como já me aconteceu, quando o nº2 decidi sair da fralda e sujar o fato de banho… Dá sempre jeito, ponto.
  • Protecção solar – Não pode faltar. Continuamos a usar o mesmo desde que a Sara é pequenina, o Bariésun factor 50+ da Uriáge. Também levamos a água termal para crianças da Uriáge por ser um excelente aliado no combate ao calor, ajuda a manter a pele fresca e hidratada. Nós, adultos, usamos um da Bioderma com factor 30 e com bronzeador já que apesar do Sérgio precisar de mais protecção do que eu, também precisa de mais cor, já que eu já tenho. Este ano ele está tão, mas tão branco que vai encandear meia praia quando tirar a T-shirt.

  • Toalhas de banho – Óbvio.
  • Fraldas de banho – Apesar de serem sempre mais úteis na piscina, nós também as levamos para a praia já que não absorvem tanto a água do mar e não ficam inchadíssimas como as normais. São mais prática, vá. Mas quando o nº2 aparece, esqueçam: Não há marca nem fralda melhor do que outras. Há uma grande probabilidade de se sujarem todos. Haja mar para os limpar.
  • Tenda – Temos uma tenda da Quechua que dá imenso jeito, principalmente nos dias em se planeia ficar na praia o dia inteiro. Dá para fazer sestas e resguardar do sol no pico do calor: PERFEITO!
  • Brinquedos de praia5 Baldes, 10 forminhas de areia, 2 a 3 pás , 1 ancinho (ninguém é muito fã do ancinho), 2 regadores e 1 peneira. Ah! 1 bola… E as raquetes (para os mais crescidos)… E as pistolas de água para os rapazes… E por aí fora, já perceberam a ideia!

E acho que está tudo, coisa pouca.

 

Ir à praia com a criançada tem muito mais piada. Ninguém fica com o rabo na toalha 5 minutos seguidos,  isso posso garantir-vos mas as gargalhadas de felicidade deles quando levam com as ondas de água gelada nas pernas ou enquanto se rebolam na areia quando era suposto vestir para ir embora, valem tudo!

 

Mais conselhos? Tratem de tudo no dia anterior porque senão mais de metade das coisas ficam em casa e se ficarem? Sem stress! Tentem aproveitar o vosso tempinho na praia ao máximo porque este ano, já sabem, no dia seguinte está a chover e um calor soviético na ordem dos 14º.

 

Beijinhos e bom Verão (mais ou menos Verão, vá!).

 

S

No Comments

Post a Comment